Outubro 2018

25 outubro, 2018

Como é ter Depressão






Abri os olhos, olhei para o teto e demorei um pouquinho para entender que um novo dia já havia começado.

Tentei pensar em algo que fizesse algum sentido, mas nada parece ter um, os pensamentos estão voando por algum lugar bem longe da minha mente, a única coisa que tem muito sentido é esse peso que sinto e que faz questão de me prender a qualquer lugar improdutivo.

Depois de algum tempo percebo que preciso levantar da cama, mas para fazer o que? Não que não tenha nada a ser feito, mas nada realmente importa, não quero fazer, quero apenas parar de sentir tudo isso.

Mas sentir o que? Se nem eu sei ao certo o nome disso, como posso parar de sentir?

Ok, vou levantar e responder emails, deve ter uns 50 acumulados.

Está decidido, é isso que vou fazer. Agora.

Vim até o computador, que saco, está fora da tomada, preciso abaixar, achar a tomada e só depois ligar. 

Nossa, que trabalho, estou exausto pra isso.

Não quero mais.

Mas preciso fazer uma força, afinal é isso que todo mundo me fala. Deve ser esse o segredo.

Força. Onde acho isso? Que lugar do meu cérebro isso está?

Tá, vou tentar...

49 emails... Desisto.

Vou escrever, gostava disso. 

Olho pra tela branca, surge uma inquietação, um desespero, uma agonia, minhas mãos suam, quero sair daqui.

Insisto, a concentração vai embora, se é que esteve aqui em algum momento.

Desisto novamente.

Olho para o lado e vejo o meu lugar preferido. 

Que sensação confortante deitar no sofá. Pena que ela logo dá espaço para a cobrança de que preciso fazer coisas. Ser produtivo.

Estico o braço, alcanço a cortina e a puxo pro lado na esperança de que o sol esteja acompanhado do céu azul. Não. 

Está cinza, como tudo que enxergo. Será que minha visão está com algum filtro?

Claro que não. O que estou pensando? 

Que agonia.

Vou dormir, assim o tempo passa mais rápido.

Ilusão. Estou me sentindo ainda pior.

Agonia, inquietação e agora culpa.

Improdutivo, incompetente.

Não quero ser assim. Não sei o que fazer.

Choro.

Adormeço.

Abro os olhos.

Mais um dia... 


Ter Depressão é ter consciência de tudo que precisa ser feito, mas devido a uma força maior, não conseguir. É como ter um peso de 2 toneladas nas costas, onde qualquer movimento se torna extremamente difícil.

É olhar a sua volta e ver todos felizes, contentes e realizados, mesmo que não estejam, é assim que você vê e  acredita.

É ver a vida dos outros passar em modo acelerado enquanto a sua está em câmera lenta.

É punir-se por tudo que deixou de fazer e não saber lidar com a frustração. 

É não viver, apenas existir.